9.2.09

Salada de festa

Eis uma salada diferente, receita da amiga Paula Regina, que fez sucesso na mesa lá de casa. Parece estranho unir repolho com miojo e gergelim, mas vai por mim: fica uma delícia - e crocante. Aproveite e faça hoje, segundona, dia mundial de começar a dieta.

O que usar:
- 1/2 repolho roxo pequeno;
- 1 repolho branco/verde pequeno;
- 1 xíc. de salsinha;
- 1 xíc. de cebolinha;
- 1 xíc. de gergelim;
- 1 xíc. de amêndoa ou nozes (como preferir);
- 1 colher de manteiga;
- 1 pacote de miojo;
- 1 xíc. de óleo de milho;
- 1 xíc. de azeite;
- 1 xíc. de açúcar (ou mais);
- 1 colher de chá de ajinomoto;
- 1/2 xíc. de vinagre de arroz;
- sal e pimenta a gosto (não coloquei).

Como fazer:
Corte o repolho roxo e branco bem fininhos e separe.
Corte a cebolinha e a salsinha e separe também.
Coloque a manteiga na frigideira com o gergelim e as nozes e frite até começar a estalar. Separe e espere esfriar.
Em outra travessa, coloque o óleo de milho, o azeite, o açúcar, ajinomoto, o vinagre, sal e pimenta . Misture tudo e deixe em um recipiente.

Montagem:
Coloque numa vasilha o repolho, a cebolinha, a salsinha e o molho. Junte o conteúdo da frigideira. Quando for servir, quebre o miojo em pedaços bem pequenos e misture a salada.

* Antes de juntar o molho, mexa bastante, pois o açúcar acumula no fundo.
** É mais fácil quebrar o miojo com o pacote ainda fechado.

4 comentários:

Rafaela disse...

Esta receita é realmente muito boa!

Pra tostar o gergelim e as nozes (prefiro castanha do caju: fica uma delícia!), uso o mínimo de manteiga possível. Não precisa de quase nada!

Uso a metade da quantidade de azeite e não coloco óleo. Vai por mim! Ainda assim fica uma delícia!

E ah! Ao invés de usar o ajinomoto, aproveito os sachês do miojo!

Receita aprovadíssima aqui em casa!

fátima disse...

miojo cru? jura que fica bom? parece tão estranho...

Princesa Urbana disse...

Tem presentinho lá no meu blog para vocês!!!!Passa lá pra dar uma espiadinha!rs
Bjos

margareth disse...

Eu DU VI DO que uma barbaridade dessa possa ser pelo menos comível..
É o fim de qualquer esperança no futuro da humanidade heeh...
Mas o blog é ótimo!!